Saúde

Interditado Centro Obstétrico do Hospital São Roque de Carlos Barbosa

05/04/2018 - Fonte: Difusora 890 - Foto: Arquivo

Compartilhe:

     Em coletiva de imprensa na tarde desta quinta-feira (05), a direção do Hospital São Roque de Carlos Barbosa, comunicou a interdição pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) do Centro Obstétrico da instituição. De acordo com o superintendente executivo do Hospital Tacchini, representando o grupo, Hilton Roese Mancio, o motivo é a exigência da legislação de uma sala de PPP.

     Ou seja, a Casa de Saúde possui sala de parto, mas está sendo solicitada a implantação de no mesmo local um espaço pré-parto, parto e pós-parto, juntas. “Em agosto do ano passado recebemos uma notificação. A partir dela estabelecemos um plano de trabalho para adequação. Temos hoje uma sala para partos adequada a legislação, sem risco a população, porém há necessidade de construirmos duas Salas PPPs”, comentou Mancio.

     Ele informou que com o apoio da Prefeitura de Carlos Barbosa, foram buscadas alternativas e um projeto para viabilização das salas chegou a ser encaminhado. Contudo, sete meses depois de notificado pela Secretaria Estadual de Saúde, um documento informando da interdição chegou nas mãos do Hospital São Roque nesta quarta-feira, tomando todos de surpresa.

     “Entendemos que o Governo Estadual anunciando um processo de regionalização de partos é uma ação neste sentido, direcionando para um Hospital maior”, acrescentou.

     O dirigente ainda destacou que nunca houve qualquer tipo de problema com nascimentos no Hospital São Roque. São pouco mais de 100 partos por ano no estabelecimento. A reportagem procurou a assessoria de imprensa da SES e aguarda retorno.

 

 

mais fotos:

Interditado Centro Obstétrico do Hospital São Roque de Carlos Barbosa

Compartilhe:

deixe seu comentário

Publicidade: