Política

Suspensa criação da CPI na Câmara de Bento Gonçalves

12/06/2018 - Fonte: Portal Adesso - Foto: Notícias de Bento

Compartilhe:

     Responsável por suspender a abertura da Comissão, o Presidente da Casa, Moisés Scussel acredita que o sigilo imposto pelo MP possa impedir as investigações.

    A última sessão da Câmara de Vereadores de Bento Gonçalves, gerou mais um capítulo no polêmico caso do Plano Diretor. O presidente da Casa Moisés Scussel suspendeu o processo de abertura de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI).

     A comissão tinha como objetivo apurar as denúncias feitas pelo vereador Gustavo Sperotto (DEM), a respeito de uma venda de emendas do Plano Diretor, onde seis vereadores teriam recebido R$40 mil em propina para aprovar emendas.

     O adiamento da abertura dos trabalhos foi justificado pelas investigações que correm em sigilo no Ministério Público. Para Scussel a probabilidade de que as investigações da CPI pudessem fracassar por conta da falta de informações é grande. Com isso, enquanto o processo estiver correndo no Judiciário a criação da CPI se manterá suspensa.

 

 

Compartilhe:

deixe seu comentário

Publicidade: