Política

Conduta do vereador Neri Mazzochin será analisada

27/06/2018 - Fonte: Portal Adesso - Foto: divulgação

Compartilhe:

     O caso envolvendo o vereador bento-gonçalvense Neri Mazzochin (PP), segue causando repercussão nesta semana. Na última sessão da Câmara, realizada na segunda-feira (25), o parlamentar utilizou a tribuna para comentar o episódio onde fotos íntimas de sua assessora, foram postadas em seu perfil numa rede social.

     Com um discurso repleto de críticas, o vereador afirmou que parte da imprensa e população “podres”, estariam denegrindo sua imagem, fazendo pré-julgamentos. Além disso, Mazzonchin reafirmou que o fato, diz respeito apenas a si, sua família e a assessora envolvida.

     Entretanto na manhã desta quarta-feira (27), o vereador Moacir Camerini, ingressou com uma representação à Comissão de Ética da Casa, para que a conduta do vereador Mazzochin seja analisada.

     Para Camerini a solicitação é extremamente necessária, visto que o fato já se tornou público e, segue gerando muitos comentários. “Me vejo obrigado a cobrar uma atitude, inclusive porque muitas pessoas me contataram nos últimos dias pedindo que eu não me omitisse nesse caso. O Legislativo precisa dar o exemplo à comunidade, e isso significa assumir e consertar seus próprios erros”, afirma.

 

Relembre o caso

     Na última segunda-feira (18), durante o expediente da sessão, no momento em que os vereadores debatiam o projeto de revisão do plano diretor, uma foto foi divulgada nas redes sociais do vereador Neri Mazzochin.

     Na imagem foi possível identificar uma assessora do parlamentar em um momento íntimo. Apesar de ter sido excluída rapidamente, muitos internautas tiveram acesso ao conteúdo.

     O vereador negou ter feito a postagem, afirmando que seu perfil foi hackeado. Além disso, um Boletim de Ocorrência foi registrado pelo parlamentar no mesmo dia, onde o mesmo declarou ser vítima de extorsão.

 

 

Compartilhe:

deixe seu comentário

Publicidade: