Geral


Secretários Municipais de Garibaldi estão reféns de órgão de imprensa

De madrugada, finais de semana e a todo instante, veículo liga importunando os servidores sem o mínimo respeito
27/09/2021 Portal Adesso - Imagem: Ilustração

     Desde janeiro, todas as informações que saem da Prefeitura Municipal de Garibaldi para os órgãos de imprensa da cidade e da região são informadas através de um grupo de whatsapp.

     O grupo foi criado para evitar privilégios a um único órgão de imprensa que durante décadas sempre foi beneficiado com as informações antecipadas do município, assim, todos os veículos de imprensa recebem a mesma informação no mesmo momento, sem qualquer tipo de benefício. 

     Porém, a medida que trouxe igualdade para a imprensa de Garibaldi tem trazido dores de cabeça aos secretários municipais. Sem ter a informação privilegiada, certo órgão de imprensa liga alucinadamente buscando tirar informações antecipadas de secretários. Às vezes, são até 30 ligações e dezenas de mensagens, muitas delas, intimidando o secretário. Em pelo menos três secretarias municipais o mesmo fato ocorreu nos últimos meses. 

     Se por ventura os secretários não responderem ou por acaso demorarem a dar retorno, eles sofrem represálias. O órgão de imprensa ainda ameaça ligar para o prefeito ou então, inicia uma série de críticas contra o secretário que não respondeu a tempo. 

     O prefeito Alex Carniel (PP) que não quer se indispor com nenhum órgão de imprensa não tem tomado nenhuma atitude e ao invés de defender seus secretários, coloca panos quentes na situação.

     Parece piada, mas representantes de tal veículo de imprensa andam pela cidade achando mandar mais que o próprio prefeito e que a cidade de Garibaldi deve se curvar diante deles, afinal, eles são os “poderosos”. Já a maioria dos outros veículos que também percebe a situação, prefere não se manifestar e assiste o espetáculo circense de longe.

     Devido a esta situação, alguns secretários já ameaçam deixar o governo. Eles solicitam que a administração Alex/ Sergio Chesini tome providências. “Não nos negamos a atender ninguém, mas as vezes estamos trabalhando e não conseguimos dar atenção no instante solicitado. Teve um final de semana, que recebi umas 30 ligações no meu celular. Este cidadão não tem deixado ninguém em paz e parece o rei da cidade”, afirma um dos secretários que pediu para não divulgar seu nome temendo represálias. 

     Procurada pela nossa reportagem, a assessoria de imprensa não se manifestou sobre o assunto. 




MAIS NOTÍCIAS