Geral


Avança o projeto para Farroupilha ter o título de Capital do Moscatel

28/11/2018 Portal Adesso - Foto: Reprodução

     Prefeito de Garibaldi, diz que título não pode ser conquistado “na marra”.

     O assunto polêmico que divide a classe política dos dois municípios voltou a tona após nesta terça-feira (27), a Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal aprovar o Projeto de Lei da Câmara 83/2018 que confere o título ao município.

     O projeto, de autoria do deputado Henrique Fontana (PT-RS), segue agora para análise em Plenário. Protocolada em maio de 2013, o projeto teve uma longa tramitação na Câmara Federal, passando pelas comissões de Cultura e de Constituição e Justiça, tendo pareceres favoráveis aprovados em maio desse ano.

     No parecer, o senador Paulo Paim (PT-RS), relator do processo, lembrou que Farroupilha obteve da Embrapa a indicação geográfica de procedência (IP) para os vinhos finos moscatéis: moscatel espumante, vinho fino tranquilo branco moscatel, frisante moscatel, licoroso moscatel, mistela e brandy de moscatel. A variedade da uva conhecida por “Moscato Branco”, citou ainda, é tradicional da região desde os anos 1930 e não encontrada em outros países.

     “A concessão do título de Capital Nacional do Moscatel, além de contribuir para a promoção dessa importante atividade econômica exercida com destaque pelo município, representará, para os agricultores e para a população local, o reconhecimento oficial da qualidade de seu trabalho e de seu empenho”, defendeu.

     Em entrevista ao PORTAL ADESSO em janeiro deste ano, o Prefeito de Garibaldi Antônio Cettolin, enviou um recado através da imprensa para o prefeito de Farroupilha Claiton Gonçalves. Na oportunidade Cettolin afirmou que não teria nexo Farroupilha ter este título, pois moscatel nada mais é que uma variedade de espumante e a Terra do Espumante é Garibaldi.

     Ao PORTAL ADESSO, Cettolin, questionou a iniciativa. “O moscatel é uma variedade de espumante, logo, não há porque Farroupilha tomar tal título para si, são questões de entendimento. Por mais que seja um dos maiores produtores da uva moscato, Farroupilha não produz o espumante, quem o faz é Garibaldi”, afirmou Cettolin.

     O prefeito de Garibaldi ainda disse que reivindicar tal título “na marra”, não traz nenhuma vantagem. “Todos sabem que Garibaldi é a Capital do Champagne/Espumante há mais de 100 anos, será difícil para Farroupilha consolidar esse nome”, ressaltou

     Ele finalizou dizendo que a Festa Nacional do Espumante ocorre em Garibaldi e é uma característica da cidade, e na Fenachamp são servidas muitas garrafas de Moscatel.

 

 

MAIS NOTÍCIAS