Geral


Exclusivo: PORTAL ADESSO verifica situação da Barragem de Garibaldi

Nossa equipe conferiu de perto as condições do vertedouro e conversou com o gerente da Corsan
30/01/2019 Portal Adesso - Foto: Casiano Valente/Portal Adesso
Anterior Próximo

     Em função do acidente em Brumadinho, a reportagem do PORTAL ADESSO foi na manhã desta quarta-feira (30), até a Corsan de Garibaldi para obter informações quanto as condições da estrutura da barragem. O reservatório de Garibaldi possui capacidade de 340 mil metros cúbicos de água e foi inaugurado em agosto de 1958.

     Qualquer problema que por ventura possa ocorrer no local, o Centro da cidade de Garibaldi fica embaixo da água, assim como ocorreu em uma enchente nos anos 80.

     De acordo com o gerente da Corsan, Alesandro Silva Tavares, não existe nenhuma fissura na estrutura da barragem que é feita de concreto armado, que justifique qualquer receio por parte da comunidade. “A situação da barragem está dentro da normalidade”, salientou o gerente.

     Alessandro que assumiu a gerência da unidade de Garibaldi a poucos meses, disse ainda que constantemente são feitas inspeções no vertedouro e também no perímetro do espelho d'água a fim de verificar possíveis problemas.

     Ainda durante o início da manhã desta quarta-feira, o PORTAL ADESSO (antes de qualquer outro veículo), procurou o Secretário Municipal de Meio Ambiente, Arnaldo Seganfredo que contou sobre uma reunião realizada na última sexta-feira (25), entre município e Corsan. Depois da reunião, a Prefeitura de Garibaldi expediu notificação ao Diretor-Presidente da Corsan, ao superintendente da Superintendência Regional Nordeste – SURNE da Corsan e ao Gestor da US da Corsan para que, no prazo de 10 dias, seja apresentado relatório sobre as condições de segurança da barragem e seu entorno.

     Também, depois que o PORTAL ADESSO apurou os fatos e procurou os responsáveis para comentar sobre a barragem, uma nota foi enviada para todos os veículos de imprensa. 

MAIS NOTÍCIAS