Economia


Rodoviárias de Garibaldi e Carlos Barbosa tem queda de 80% na movimentação

A redução no número de passageiros também se deve pela diminuição do número de linhas de transporte coletivo intermunicipal
25/05/2020 Portal Adesso - Foto: Arquivo

     Com a recomendação de se evitar aglomerações e o uso de transporte coletivo somente para cumprir obrigações essenciais, por causa do coronavírus as rodoviárias dos municípios de Carlos Barbosa e Garibaldi estão passando por um momento de baixa na movimentação de pessoas. Os administradores das duas concessionárias relataram queda de mais de 80% no fluxo de passageiros.

     Outro fator que tem impactado fortemente na redução no número de passageiros que buscam a rodoviária é a diminuição do número de linhas de transporte coletivo intermunicipal, autorizada pelo Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (DAER). OS ajustes nas linhas pretende evitar que empresas de ônibus tenham prejuízo ao circularem com os coletivos vazios.

     Esse é o caso relatado pelos atendentes da rodoviária de Carlos Barbosa. Segundo os profissionais, os ônibus que saiam lotados, com destino a Porto Alegre, agora seguem com poucos, e em muitas vezes nenhum, passageiro. Antes da pandemia os usuários do transporte coletivo para a capital formavam filas para conseguir adquirir uma passagem em dias de maior movimento, como nas segundas-feiras. Agora, com a nova realidade, sobram lugares.


MAIS NOTÍCIAS