Eventos/Cultura


Musica Gaúcha de Luto: Morre o cantor Porca Véia

Gaiteiro tinha 68 anos e faleceu na tarde desta sexta-feira em Novo Hamburgo quando fazia hemodiálise
12/06/2020 Portal Adesso

    Morreu na tarde desta sexta-feira (12), o cantor Élio da Rosa Xavier, o Porca Véia. O gaiteiro natural de Lagoa Vermelha tinha 68 anos e realizava hemodialise, no Hospital Regina, em Novo Hamburgo quando teve uma parada respiratória

     Com insuficiência renal, Porca fazia seções de hemodiálise três vezes por semana. Fundador do Grupo Cordiona e autor de sucessos como "Lembranças", "De Alma Serrana", "Do Jeito que Deu" e "Gaiteiro Por Demais", possui 21 CDs e 3 DVDs gravados, além de dois discos de ouro. Morador de Ivoti há muitos anos, ele fazia sessões de hemodiálise três vezes por semana. 

     Porca Véia foi aluno dos Irmãos Bertussi e sempre reverenciou os irmãos de Criúva, interior de Caxias do Sul. Produtor rural até aos 16 anos, começou sua carreira artística com seis anos de idade, por influência da família, onde havia muitos músicos amadores. Fez o curso de técnico agrícola, quando ganhou o apelido que é hoje nome artístico. Participou de muitos festivais e apresentou-se com Kleiton e Kledir nas melhores casas de espetáculo do Brasil, como o Canecão do Rio de Janeiro, e o Palace em São Paulo. Criou e dirigiu o grupo musical Cordiona, um grupo de baile bem fandangueiro. Recebeu vários títulos, como Cidadão Honorário, Comendador da Brigada Militar, Amigo da Brigada, Destaque Musical. 

     Em dezembro de 2013, , Porca encerrou sua carreira e se aposentou dos palcos. A despedida foi em um show nos pavilhões da Festa da Uva, em Caxias do Sul.

     O músico que gravou um DVD especial em Bento Gonçalves no ano de 2008, deixa a esposa, Claudinéia Bossardi, além de quatro filhos, muitos fãs e amigos. Em sua página no Facebook, o Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), lamentou a morte do compositor. “A todos, o Movimento Tradicionalista Gaúcho, através de sua diretoria, entidades filiadas e associados, manifesta sua total solidariedade.”








 

MAIS NOTÍCIAS