Geral


Carlos Barbosa fica 34 posições a frente de Garibaldi em pesquisa da ONU

30/07/2013 Portal Adesso

            Pesquisa apresentada nesta segunda-feira (29), pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) nomeado "Atlas do Desenvolvimento Humano no Brasil 2013, aponta que o Rio Grande do Sul possui apenas dez  cidades entre as cem primeiras no ranking que avalia Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) do País.

         A taxa revela o nível de desenvolvimento humano de determinada região. O IDH dos municípios vai de 0 a 1: quanto mais próximo de zero, pior o desenvolvimento humano; quanto mais próximo de um, melhor. A pesquisa considera indicadores de longevidade (saúde), renda e educação.

         Entre os municípios gaúchos mais bem colocado está Carlos Barbosa que aparece na segunda posição do Rio Grande do Sul e na 34ª no país. Já Garibaldi, que é o município mãe de Carlos Barbosa aparece no Brasil apenas na 83ª posição. No Estado Garibaldi melhora, ocupando a quarta posição atrás de Lagoa dos Três Cantos, no norte gaúcho.

        São Caetano do Sul (SP) está no topo, ocupando a primeira posição da lista com a melhor cidade do país. Melgaço (PA) é a última entre as 5565 cidades brasileiras. Florianópolis (SC) aparece em terceiro lugar. Entre as capitais brasileiras, a Florianópolis é a mais bem colocada. Depois aparecem Vitória (ES), Brasília (DF), Curitiba (PR), Belo Horizonte (MG) e São Paulo (SP), todas à frente de Porto Alegre.

 

As dez cidades gaúchas com melhor IDH:

 

28º - Porto Alegre (IDHM de 0.805)

53º - Carlos Barbosa (IDHM de 0.796)

62º - Três Arroios (IDHM de 0.791)

62º - Ipiranga do Sul (IDHM de 0.791)

71º - Lagoa dos Três Cantos (IDHM de 0.789)

87º - Garibaldi (IDHM de 0.786)

92º - Nova Araçá (IDHM de 0.785)

92º - Casca (IDHM de 0.785)

100º - Ivoti (IDHM de 0.784)

100º - Santa Maria (IDHM de 0.784)

 

 

MAIS NOTÍCIAS