Esportes

Esportivo aposta na formação de jovens por meio das categorias de base

18/06/2018 - Fonte: Portal Adesso - Foto: divulgação

Compartilhe:

     Objetivo do clube é ir além da simples formação profissional, contribuindo para o desenvolvimento pessoal dos jovens. No total, são 180 crianças e adolescentes atuando nas categorias de base

     A medida da atuação de um clube vai muito além de seu desempenho dentro das quatro linhas do gramado – e está relacionada, também, à responsabilidade social que ele exercita junto à comunidade onde está inserido. O Esportivo, de Bento Gonçalves, entende bem esse compromisso: acredita e trabalha de forma contínua no desafio de formar cidadãos por meio do esporte. Exemplo disso são os projetos desenvolvidos com as categorias de base.

     Muito mais do que celeiro de jogadores para a equipe profissional, a iniciativa contribui de forma prática com a promoção do bem-estar social, integrando jovens talentos e mostrando-lhes que há alternativas para quem almeja um futuro promissor. A base do Clube Esportivo é, atualmente, referência em Bento Gonçalves e região. Ali estão concentradas 150 crianças de 6 a 15 anos, que frequentam a escola do clube, e 30 jovens na categoria sub 17.

     Além de incentivar o talento futebolístico da garotada, o trabalho visa a formação de cidadãos íntegros e preparados para o convívio social. “Essa iniciativa logo começou a ser mais do que apenas futebol. O projeto entrou na vida desses meninos como uma oportunidade de adquirem senso de organização, de responsabilidade, de respeito e de comprometimento com algo maior. Em muitos casos, está ligado à esperança de que existem, sim, outros caminhos a seguir”, diz o presidente do clube, Anderson Zanella.


O ingresso no clube


     Os jovens interessados em participar da escolinha devem fazer a matrícula na secretaria do clube, acompanhados de pais ou responsáveis. O período da chamada “peneira”, onde são feitas seleções mais amplas para a categoria sub 17, é no início do mês de fevereiro de cada ano. Há uma série de documentos necessários para a inscrição, como atestado médico e de escolaridade, além do pagamento de uma taxa de inscrição e de mensalidade.

     Mais informações podem ser obtidas com o coordenador geral das categorias de base, Acácio Eggres, pelo e-mail acacio.eggres@hotmail.com ou pelo fone (54) 3452-2165.

 

 

Compartilhe:

deixe seu comentário

Publicidade: