Esportes

Clube Esportivo concentra forças na formação de atletas

20/06/2018 - Fonte: Portal Adesso - Fotos:Exata Comunicação/divulgação

Compartilhe:

     Alviazul não disputará competições oficiais no segundo semestre, direcionando esforços para o trabalho nas categorias de base e em projetos fora das quatro linhas durante o segundo semestre deste ano.

     Em coletiva de imprensa realizada na manhã desta terça-feira (19), houve o anúncio de que a equipe profissional não disputará competições oficiais no segundo semestre de 2018. “Essa decisão é reflexo de um planejamento seguro e consciente para as próximas temporadas.

     O futebol é paixão, promove o engajamento das pessoas, por isso a nossa vontade era de, logicamente, continuar atuando dentro das quatro linhas. Porém, optamos pela razão: é essencial, antes, nos organizarmos fora de campo e, assim, projetar um time cada vez mais preparado para voltar ao seu lugar de destaque no futebol gaúcho”, esclarece o presidente do clube, Anderson Zanella.

     Isso não significa, porém, que o Esportivo ficará inativo pelos próximos meses – o trabalho continuará durante o ano inteiro, com foco em outras prioridades. Uma delas é focar nas ações que tornam o clube uma referência na formação de jovens atletas. 


Foco na formação de atletas


     A aposta nas bases é o diferencial do clube para o restante da temporada. O compromisso do Esportivo está na continuidade das atividades de sua escolinha, que atualmente atende 200 jovens. Esse valioso serviço social oferecido à comunidade se mantém pelo apoio do clube e por meio de mensalidades. A intenção da diretoria é buscar leis de incentivo e recursos que permitam ampliar a oferta, se possível de forma gratuita. “Nossa proposta é a de buscar os jovens na comunidade, oferecer a eles uma espécie de contra turno escolar. Assim, podemos atuar de maneira mais efetiva na formação de atletas, o que reflete tanto no futebol profissional, pois formamos as pratas da casa, como em futuras vendas que nos auxiliam economicamente”, comenta o presidente.

     Dentro de campo, os atletas mirins também são os protagonistas no restante de 2018. A sub-17 é a categoria que disputa competições mais avançadas, a nível estadual. E, nessa perspectiva, a implantação do sub-19 promete qualificar ainda mais o projeto formador do clube.


Compartilhe:

deixe seu comentário

Publicidade: