Geral

"Construção de um albergue em Garibaldi é inviável", diz Neckel

12/07/2018 - Fonte: Portal Adesso - Foto: Arquivo

Compartilhe:

     Para o Presidente da Câmara de Vereadores, os gastos para a manutenção do local seriam os principais empecilhos. Após a indicação 30/2018 que trata da criação de um albergue municipal em Garibaldi, ser apresentada pelos vereadores do Partido Progressista (PP), o Presidente da Casa Legislativa, Moisés Nekel falou ao PORTAL ADESSO sobre a possibilidade de implementação do projeto.

     Para Nekel a criação do albergue é algo inviável para o município. O principal empecilho seriam os gastos para a manutenção do local, que incluiria segurança, cozinheira, faxineira, entre outros. Ao todo, o Presidente da Câmara afirma que as despesas somariam cerca de R$500 mil ao ano para a administração municipal.

     “É financeiramente inviável a criação de um albergue em Garibaldi. Afirmo isso como alguém que já trabalhou na Secretaria de Assistência Social e, que tem consciência dos gastos municipais”, comenta.

     Segundo o parlamentar,a prefeitura detém convênio com albergues regionais e privados, para onde encaminha os moradores de rua. Cada hospedagem custa em média R$3.500,00.

     Além disso, outra preocupação de Nekel, seria o aumento expressivo de pessoas na cidade. Segundo dados da Secretaria de Assistência Social, Garibaldi detém atualmente seis moradores de rua.

     “Temos um exemplo bem próximo, em Bento Gonçalves, quando a prefeitura decidiu criar um albergue. O número de pessoas aumentou de forma tão grande e rápida, que foi impossível manter o lugar”, ressaltou.

 

 

 

 

Compartilhe:

deixe seu comentário

Publicidade: