Geral


Após quase três meses de greve, servidores do INSS definem retomada do trabalho

28/09/2015 Rádio Guaíba

     Os servidores do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) no Rio Grande do Sul devem voltar ao trabalho até a próxima quarta-feira, depois de mais de 80 dias de greve. A suspensão do movimento já foi confirmada em nível nacional, mas a data de retorno às atividades ainda precisa passar pelo aval da categoria em assembleia estadual, às 13h desta segunda-feira, na Capital.

     Conforme o diretor do SindisprevRS (Sindicato dos Trabalhadores Federais da Saúde, Trabalho e Previdência no RS), Giuseppe Finco, os trabalhadores ainda aguardam a assinatura de um acordo com o Ministério do Planejamento, em Brasília, para garantir que não terão descontos pelos dias parados, desde que cumpram jornada extra. Apesar de terem exigido 27% de aumento, os funcionários do INSS em todo o país decidiram aceitar o reajuste parcelado, de 5,5% no ano que vem e mais 5% em 2017.

     Já os médicos responsáveis pelas perícias seguem paralisados, com efetivo mantido por cerca de 30% dos profissionais. Em greve há três semanas, eles sequer abriram negociação com o governo federal. Por enquanto, antes de procurar as agências da Previdência Social, a orientação é que a população ligue para a Central 135 para confirmar o andamento de serviços.

 

MAIS NOTÍCIAS