Geral


Estado e Daer declaram situação de emergência em rodovias

13/10/2015 Imprensa Governo do Estado
Anterior Próximo

     As rodovias estaduais que foram gravemente danificadas pelas chuvas dos últimos dias passarão por um intenso trabalho de recuperação a partir desta terça-feira (13). As ações foram definidas pelo secretário estadual dos Transportes, Pedro Westphalen, em reunião, na tarde desta segunda-feira, dia 12, com representantes do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) e Superintendência de Portos e Hidrovias (SPH). Dois pontos considerados críticos tiveram situação de emergência declarada.

 
     As condições mais graves são a da RSC-287, em Santa Maria, que foi interditada no Km 227,6 após a queda do aterro de uma das cabeceiras da ponte sobre o Arroio Figueira, e da ERS-149, entre Faxinal do Soturno e Nova Palma, onde parte do asfalto cedeu. Nesses dois trechos, a Secretaria dos Transportes e o Daer declararam emergencialidade para que os serviços de recuperação sejam executados com maior rapidez.
    
     "Nesta terça-feira, vamos visitar os locais junto com os prefeitos das regiões e imediatamente começar a recompor o que foi destruído", informa Westphalen. A previsão é que o trânsito na RSC-287 seja liberado em dez dias.
 
     Um levantamento preliminar do Daer aponta que 22 estradas estaduais sob jurisdição da autarquia foram danificadas ou precisaram ter o trânsito interrompido em razão da chuva forte. Segundo o diretor-geral, Ricardo Nuñez, as superintendências regionais já desobstruíram a maioria dos pontos onde houve queda de barreiras e esperam as águas baixarem para avaliar melhor os prejuízos.
 
"Nossas equipes estão trabalhando ininterruptamente e, tão logo obtivermos acesso aos locais que ficaram alagados, verificaremos quais intervenções serão necessárias nesses trechos também", frisou.
 
     Depois da reunião, Westphalen esteve no Cais Mauá, em Porto Alegre, junto com a equipe da SPH. Os técnicos da Superintendência monitoram o nível do Guaíba, que nesta segunda-feira atingiu a marca histórica de 2,92 m. 
 
Confira a lista atualizada de rodovias sob jurisdição do Daer atingidas pelas chuvas:
 
1ª Superintendência Regional (Esteio):
ERS-124 (São Sebastião do Caí - Pareci Novo): interditada devido a excesso de água na pista
 
2ª Superintendência Regional (Bento Gonçalves):
 
ERS-446 (São Vendelino - Carlos Barbosa): liberada após equipe da 2ª SR remover barreiras
 
ERS-122 (km 43, São Vendelino - Farroupilha): liberada após equipe da 2ª SR remover barreiras
 
ERS-448 (km 30 a 38, Vila Jansen - Rio das Antas): liberada após remoção de barreiras por equipes do Daer
 
BR-470 (km 201 e 211): liberada após remoção de bloqueios nos Km 201 e 211, com serviços executados pela empresa responsável pelo Crema Serra
 
3ª Superintendência Regional (Santa Cruz do Sul):
RSC-471 (Sinimbu, em pontos isolados): liberada após remoção de barreiras pela 3ª SR
 
4ª Superintendência Regional (Santa Maria):
RSC-287 (km 227,6, Santa Maria - Porto Alegre): totalmente interditada devido a queda do aterro de uma das cabeceiras da ponte sobre o Arroio Figueira. Daer fará recomposição do aterro em regime emergencial, com previsão de término em 10 dias.
ERS-149 (km 148, Nova Palma - Faxinal do Soturno): totalmente interditada por causa de cedência de pista. Recuperação do trecho será feita em regime de emergência.
 
8ª Superintendência Regional (Bagé):
 
ERS-630 (km 81, Dom Pedrito - São Gabriel): interditada devido ao alagamento da rodovia e de pontilhões de madeiras. Limpeza e drenagem da pista serão realizadas após o término das chuvas.
 
9ª Superintendência Regional (Alegrete):
 
VRS-806 (km 1, em Alegrete): parcialmente interditada, com tráfego liberado apenas para veículos acima de 2 toneladas, devido ao excesso de água na pista. Trecho usado como desvio da ponte sobre o Arroio Caverá. Usuários podem utilizar vias municipais e a BR-290 como rotas alternativas.
 
ERS-566 (km 20, 35 e 65): liberada, com recomendação de cautela aos motoristas. Arroio Jacaraí transbordou, ocasionando água sobre a pista.
 
ERS-183 (Km 40): liberada, com recomendação de cautela aos motoristas. Barragem transbordou, ocasionando lâmina de água na pista.
 
10ª Superintendência Regional (Cachoeira do Sul):
 
ERS-502 (Cachoeira do Sul): interditada no trecho não pavimentado entre a localidade de Três Vendas e a RSC-287. Recomendação aos usuários é que utilizem a RSC-153 como alternativa.
RSC-481 (km 144,5, Lagoa Bonita do Sul - Cerro Branco): interditada porque a pista cedeu, formando trincas/degraus de 50cm. Desvio pode ser feito pela ERS-400 (Candelária – Sobradinho)
RSC-481 (Arroio do Tigre): trânsito liberado após equipe da 10ª SR remover barreiras em pontos isolados
VRS-809 (Cachoeira do Sul): liberada após recuperação do aterro de uma das cabeceiras da ponte sobre o Passo D'Areia
 
11ª Superintendência Regional (Lajeado):
 
ERS-433 (km 2,5, Encantado – Relvado): liberada após remoção de barreiras por equipe da 11ª SR
ERS-423 (Progresso): liberada após remoção de barreira na pista
ERS-129 (km 6, Mariante – Bom Retiro): liberada com recomendação de cautela aos motoristas. Água baixou, mas pode ter agravado condições da via
ERS-130 (General Câmara – Cruzeiro do Sul): interditada por causa de água na pista nos km 29, 31 e 50
 
13ª Superintendência Regional (Erechim):
 
RSC-480 (km 3, Goio-en): liberada após remoção de barreira pela 13ª SR
ERS-420 (Erechim – Aratiba): liberada após remoção de barreiras pela 13ª SR
 
16ª Superintendência Regional (Osório):
 
RSC-101 (km 53): liberada, com recomendação de cautela aos motoristas, pois cabeceira da ponte sobre o Arroio Pangaré sofre erosão. Recomposição será feita assim que águas baixarem.
 
17ª Superintendência Regional (Palmeira das Missões):
 
ERS-404 (Sarandi): liberada após remoção de barreiras pela 17ª SR
 

MAIS NOTÍCIAS